Você está aqui:

Notícias

6º Prêmio Inova: Evento on-line discute importância da inovação no serviço público e apresenta edital para seleção de avaliadores

Abordagens poderão contribuir para o desenvolvimento de projetos a serem inscritos no 6º Prêmio Inova Minas Gerais. Chamamento público para avaliadores da premiação também foi apresentado. 

Cerca de 200 pessoas participaram, nesta quinta-feira (15/7), do webinário “Qual o DNA de projetos inovadores em organizações públicas?”. O evento fez parte da programação do 6º Prêmio Inova Minas Gerais e contou com a presença de especialistas nacionais da área de inovação, que discutiram a temática e proporcionaram uma troca de experiência com os participantes. 

As abordagens apresentadas no webinário poderão contribuir para o desenvolvimento de projetos a serem inscritos na 6ª edição do Prêmio Inova Minas Gerais, coordenado pela Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão (Seplag). São duas categorias: Iniciativas Implementadas de Sucesso – iniciativas já implementadas que tenham resultados mensurados – ou Ideias Inovadoras Implementáveis – ideias ainda não implementadas ou em fase inicial de desenvolvimento). As inscrições acontecem do dia 26 de julho a 24 de agosto.

A secretária de Estado de Planejamento e Gestão, Luísa Barreto, destacou a importância do Prêmio Inova Minas Gerais para a administração pública e a prestação de serviços no Estado.

“Temos certeza de que a inovação é o caminho para a melhoria do serviço público. Por meio dela, é possível alcançar, com recursos relativamente menores, resultados extraordinariamente maiores e impactar a vida de milhares de pessoas. Cada vez mais temos trabalhado com projetos inovadores focados no cidadão, que trazem melhorias efetivas para a vida da população, e fazemos isso olhando também para o servidor”, disse.

Também participaram da mesa de abertura a ouvidora-geral adjunta do Estado, Gabriela Siqueira, e o diretor de Planejamento, Operações e Risco do Banco de Desenvolvimento de Minas Gerais (BDMG), Vinício José Stort. Ambas as instituições são parceiras da Seplag na realização do Prêmio Inova. 

Gabriela Siqueira afirmou que, para a Ouvidoria-Geral do Estado (OGE), é muito importante participar do Prêmio, principalmente na etapa de ouvir o que o usuário pensa em relação às ideias propostas. “É possível identificar o que, de fato, está melhorando a experiência do cidadão. Por isso, a instituição instituiu o selo O Estado Sabe Ouvir - uma chancela que mostra que aquele serviço tem também a aprovação do cidadão”, destacou.

Segundo o representante do BDMG, a inovação melhora a burocracia, melhora o uso dos recursos e traz alternativas para a expansão. “É muito satisfatório saber que há pessoas engajadas com a mudança no setor público, e com coragem para fazer o novo. Este ambiente conecta pessoas para trabalhar em conjunto e fazer diferente. Acredito que a busca pela inovação é a chave para o futuro do Estado”, endossou.

Inovação no setor público

Durante o encontro, os convidados abordaram a necessidade do desenvolvimento de projetos que contribuem para mudanças estruturais das instituições públicas, que, muitas vezes, enfrentam desafios como a burocracia, a morosidade nos processos e a dificuldade de comunicação.

“A essência de um projeto inovador está na análise dos problemas. Ele funciona quando a proposta vai gerar uma solução eficaz para o cidadão ou proporcionar a melhoria da gestão pública”, afirmou Rodrigo Narcizo, servidor público e cofundador da rede Conexão Inovação Pública RJ.

A coordenadora do Laboratório de Inovação do Governo de Minas (LAB.mg) pela Seplag, Gabriela Brandão, compartilhou experiências da equipe e apontou pontos fundamentais que precisam ser observados durante o processo de pesquisa.

Segundo ela, um dos fatores fundamentais e indispensáveis na elaboração de um projeto é a coconstrução. “Para o cidadão é muito significativo quando nós olhamos para ele e proporcionamos uma escuta qualificada. Ele percebe que nós estamos ouvindo e que aquilo que ele está falando será utilizado para elaborar as soluções propostas”, reforçou.

O evento pode ser assistido na íntegra nos canais do Youtube da Seplag e da Diretoria Central de Gestão do Desempenho e Desenvolvimento. 

 

Comissão Avaliadora 6º Prêmio Inova Minas Gerais

Na ocasião, foi apresentado o edital de seleção da banca de avaliadores do Prêmio Inova Minas Gerais, uma novidade da 6ª edição.  Para participar, os interessados devem ter os seguintes requisitos:

  • Experiência profissional de, pelo menos, dois anos em instituição pública, privada ou do terceiro setor, com atuação em temáticas de inovação, políticas públicas e gestão pública;
  • Possuir mais de 18 anos;
  • Não ser proponentes inscritos na 6ª edição do Prêmio Inova Minas Gerais e não ter grau de parentesco, proximidade ou amizade com algum proponente inscrito no concurso;
  • Ter postura ética, bem como idoneidade moral;
  • Ter disponibilidade para participar da oficina de capacitação e orientação virtual, em data a ser definida pela equipe de coordenação do concurso.

As inscrições para avaliadores acontecerão até o dia 20 de julho. O edital com todas as informações está disponível no site www.premioinova.mg.gov.br