Você está aqui:

Notícias

Projeto ReIntegra será expandido para empresas públicas

07/02/2018

Projeto ReIntegra será expandido para empresas públicas

Foi realizada na Cidade Administrativa a primeira reunião para ampliação do projeto Reintegra, que tem como objetivo ofertar vagas de trabalho para pré-egressos do sistema prisional em áreas administrativas do serviço público. Em 2017, o Reintegra foi implantado com grande sucesso, mas apenas na administração direta. Coordenada pelo secretário de Planejamento e Gestão, Helvécio Magalhães, a reunião teve a presença do secretário de Direitos Humanos, Participação Social e Cidadania, Biel Rocha; de Administração Prisional, Francisco Kupidlowski, e representantes da Cemig, Copasa e MGS, além de praticamente todas as secretarias de Estado. 

“Pela complexidade e delicadeza, esse projeto precisa de muito apoio institucional. É missão do Estado criar novas oportunidades para quem está sob sua tutela. Vamos expandir o ReIntegra porque esse é um dos caminhos para corrigir uma omissão grave e histórica com os detentos no que diz respeito a sua reinserção social”, afirmou o secretário.

Durante a reunião foi distribuído o formulário de solicitação de vagas no programa para todas as secretarias, onde deverá constar o perfil desejado (escolaridade e competências), as atividades que o pré-egresso irá desenvolver e o “padrinho” ou “madrinha” que irá recebe-lo e acompanha-lo. São atendidos pelo programa detentos que já cumprem a pena em regime semiaberto. Inicialmente foram selecionados 36 homens e 19 mulheres que receberam cursos de informática e auxiliar-administrativo ministrados numa parceria com a Utramig e Prodemge. 

O secretário de Administração Prisional, Francisco Kupidlowski, elogiou o projeto. “O que vemos no ReIntegra é a ressocialização sendo feita de forma séria. Isso não só resgata a dignidade do detento como possibilita sua reinserção no mercado de trabalho ao fim do cumprimento da pena. Ele passa a ter uma experiência profissional para apresentar”, disse.

Notícias relacionadas

18/05/2017

Dos US$ 976 milhões, Minas já recebeu US$ 195,5 milhões. Outros US$ 150 milhões estão em processo de solicitação e devem ser internalizados em janeiro próximo. A parcela para liberação no ano que vem é de R$ 390 milhões, enquanto que, em 2010, deverão ser liberados US$ 222 milhões.

Minas Gerais lança a campanha “Vamos juntos dar um basta ao trabalho infantil”
12/06/2017

O Governo de Minas Gerais, por meio da Secretaria de Estado do Trabalho  e Desenvolvimento Social, lançou nesta segunda-feira (12/6), a campanha “Vamos juntos dar um basta no trabalho infantil”. A estratégia, apresentada na data em que se celebra o Dia Mundial de Combate ao Trabalho Infantil.

Projeto leva conhecimento agroecológico a jovens de centro socioeducativo do Estado
13/06/2017

O mundo dos menores abrigados em instituições socioeducativas -- após a prática de atos infracionais -- pode ser menos sofrido, mais produtivo e capaz de ajudar na ressocialização. A privação de liberdade como medida socioeducativa está prevista no Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA).