Você está aqui:

Notícias

Transforma Minas se consolida como estratégia de gestão de pessoas no Estado

Programa já disponibilizou mais de 180 vagas em cargos estratégicos do Governo de Minas, além de capacitar cerca de 60 profissionais para desenvolvimento de competências

O Transforma Minas, programa coordenado pela Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão (Seplag), tem se consolidado como uma das principais ferramentas do Governo de Minas na área de gestão de pessoas e surge como referência de experiência bem-sucedida no setor público. O programa, que já selecionou mais de 180 profissionais para cargos estratégicos e de liderança no Governo, entre subsecretários, superintendentes, diretores e assessores de diversos órgãos e entidades, foi tema, nesta quinta-feira (3/9) do Consad Express, do Conselho Nacional de Secretários de Estado de Administração (Consad), com a participação do secretário de Estado de Planejamento e Gestão, Otto Levy. 

No Consad Express, programa que apresenta experiências inovadoras na administração pública, foram abordados os impactos positivos do Transforma Minas no setor público estadual. Lançado em março de 2019, o Transforma atua em frentes de atração, seleção, desenvolvimento e desempenho de profissionais. 

Depois de pouco mais de um ano do seu lançamento, o programa é apontado pelo secretário de Planejamento e Gestão como um marco na gestão de pessoas no setor público. “É um modelo completo de seleção e desenvolvimento profissional, que engloba a capacidade de liderança dos gestores, a resolução de conflitos e a proposição de soluções, com o propósito maior do Governo de oferecer um serviço público melhor e mais eficiente aos cidadãos mineiros. Queremos que seja não só um programa deste governo, mas um legado para o Estado”, salienta.

A subsecretária de Gestão de Pessoas da Seplag, Kênnya Kreppel, destaca o ganho para o setor público com a valorização do mérito e da competência e com base em critérios transparentes. “Este novo olhar busca selecionar pessoas que tenham o perfil mais adequado para a vaga, avaliando competência, habilidade e atitude dos candidatos. Temos percebido, inclusive, a participação expressiva de servidores de carreira”, destaca. Cerca de 30 mil interessados já se inscreveram nos processos seletivos do Transforma Minas

Recentemente, o programa foi apontado como destaque em pesquisa realizada com os Estados sobre programas de seleção, desempenho e desenvolvimento de profissionais, além de ter sido reconhecido nacionalmente ao ser convidado para conduzir um processo de seleção para o Conselho Nacional de Secretários de Estado da Administração (Consad), em parceria com o governo do Rio Grande do Sul. 

Experiência 

Atualmente, está em andamento o processo seletivo para a escolha do subsecretário de Direitos Humanos da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social (Sedese). As inscrições para o processo seletivo vão até o dia 15 de setembro e podem ser realizadas neste link. Informações sobre as etapas e outras vagas já encerradas também podem ser acessadas aqui.

Uma das pastas a contratar profissionais, por meio do programa, foi a Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (Semad). Foram selecionados pelo Transforma Minas membros da diretoria colegiada da Agência Reguladora de Serviços de Abastecimento de Água e Esgotamento Sanitário (Arsae), nove superintendentes Regionais de Meio Ambiente e um diretor de Tecnologia da Informação. 

Segundo o secretário de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, Germano Vieira, por ter atraído candidatos com notável qualificação técnica e experiência, os selecionados se adaptaram mais rapidamente. “O programa leva a seleção de pessoas para cargos de gestão no âmbito do Estado para um outro patamar, alinhando com as melhores práticas mundiais na área de gestão de pessoas. Creio que os resultados práticos desse processo, consubstanciados na elaboração e execução de políticas públicas de forma mais técnica, serão sentidos no estado por um bom tempo no futuro”.

Na Secretaria de Estado de Educação (SEE), de acordo com a secretária Júlia Sant’Anna, o programa tem representado o fortalecimento de equipes técnicas de trabalho, com a escolha de gestores com experiências prévias e perfis aderentes. “Assim, a iniciativa promove o fortalecimento da gestão educacional mineira, tendo em vista a maior qualificação no processo de escolha e provimento dos cargos estratégicos, resultando na melhoria da educação pública no Estado”, reforça Sant’Anna.

Compromisso

Os efeitos também são sentidos na Ouvidoria-Geral do Estado (OGE). Conforme a ouvidora-Geral Simone Deoud Siqueira, o Transforma Minas “superou as expectativas” na seleção para a vaga de Ouvidor(a) de Assédio Moral e Sexual e representa a “seriedade e o comprometimento do governo Romeu Zema em mudar a cultura do preenchimento de cargos públicos comissionados e entregar serviços de qualidade aos mineiros”.

“Ao selecionar candidatos que passam por um processo avaliatório e o critério de escolha é, unicamente, com base no mérito e competência, o programa demonstra um modelo totalmente novo e capaz de selecionar os mais capacitados a enfrentar os desafios que a nova gestão propõe para melhorar a vida do maior acionista do governo: o cidadão, pagador de impostos”, acrescenta a ouvidora-Geral.

Institucionalização

Desde o lançamento do Transforma Minas, a Controladoria-Geral do Estado (CGE) selecionou profissionais para diversas vagas por meio do programa e institucionalizou, ainda, a política de seleção do órgão, a partir da publicação de um normativo que estabelece diretrizes para escolha de profissionais.

“O Transforma Minas é uma excelente iniciativa do Governo de Minas, que trouxe mais imparcialidade e meritocracia para a escolha dos dirigentes. A CGE abraçou a iniciativa desde o começo e publicou uma resolução para que os cargos comissionados fossem preenchidos a partir de processo seletivo e da ferramenta do programa. Recentemente, institucionalizamos ainda diversos outros critérios baseados no Transforma Minas para escolha dos auditores internos”, destaca o controlador-Geral do Estado, Rodrigo Fontenelle.

Desenvolvimento de lideranças

Além de realizar a seleção de profissionais, o Transforma Minas promove o desenvolvimento e o desempenho dos selecionados. Em novembro de 2019, teve início o Programa para o Desenvolvimento de Lideranças (PDL), em parceria com a Fundação João Pinheiro. 

O PDL é estruturado em módulos e voltado para o segundo nível hierárquico do governo, buscando valorizar e desenvolver competências específicas para cargos de liderança, como orientação para resultados, engajamento e comunicação. Cerca de 60 gestores do segundo escalão do Governo de Minas já participaram.

Parcerias

A Aliança, iniciativa que reúne organizações do terceiro setor, formada por Fundação Brava, Fundação Lemann, Instituto Humanize e República.org, é parceira do Transforma Minas. A parceria não envolve transferência de recursos financeiros e foi firmada por meio de um Acordo de Cooperação Técnica entre a Fundação Lemann, representante da Aliança, e o Governo de Minas Gerais.

Na fase inicial, para realização dos processos técnicos de seleção, o Programa contou com o apoio do Vetor Brasil, organização da sociedade civil sem fins lucrativos e suprapartidária. Neste percurso, houve a capacitação dos servidores do governo de Minas e o compartilhamento de conhecimento sobre a metodologia adotada pelo Vetor Brasil. Desde então, a Seplag assumiu a condução integral dos processos seletivos.

O Transforma Minas é inspirado em iniciativas bem-sucedidas realizadas em países que profissionalizaram a composição de altos cargos na administração pública, como Chile, Peru, Austrália e Reino Unido.